Técnicas de exposição de produtos na gôndola

Pode parecer até algo bastante simples, mas quando é feita da maneira correta, a exposição de produtos em um supermercado é capaz de aumentar o faturamento de uma empresa significativamente.

Conhecer alguns segredos na organização de mercadorias na gôndola é uma forma eficiente de aumentar as vendas. Dessa forma, a exposição de produtos deve ser feita estrategicamente para facilitar o acesso dos clientes. Os promotores compartilhados são os mais indicados para essa tarefa.

Esse artigo vai te mostrar algumas técnicas para que sua empresa prospere perante a acirrada concorrência cresça no mercado.

Deixe as mercadorias dentro do campo de visão dos clientes

A exposição de produtos na gôndola de um supermercado deve ser feita sempre de maneira assertiva. Deixar as mercadorias expostas dentro do campo visual dos clientes faz com que a percepção deles seja mais rápida.

O campo de visão deve ter no mínimo 50 centímetros e no máximo 2 metros de altura. Os produtos mais importantes devem ficar à altura dos olhos, que é em torno de 1,60 metro.

A tendência é que o consumidor sempre olhe na linha do horizonte, por isso, seus produtos não devem estar nem muito abaixo dessa linha e nem muito acima dela.

Estimule a compra por impulso

Para despertar o desejo da compra por impulso, a exposição de produtos deve ser feita em locais estratégicos, como algumas gôndolas próximas ao caixa, por exemplo. Invista e divulgue bem as promoções, reforçando sempre as vantagens de se comprar naquele momento.

O objetivo é despertar no cliente um sentimento de urgência, ou seja, que ele precisa daquele produto naquela hora, para que a compra seja efetivada. Coloque seus principais produtos nas gôndolas em locais de maior circulação de pessoas.

Use gôndolas móveis para destacar as promoções

A exposição de produtos em gôndolas móveis é fundamental para aumentar as vendas. Quando uma mercadoria está em promoção, é preciso evidenciá-la o máximo possível. Uma boa e prática opção é usar gôndolas móveis, que permitam a movimentação pela loja.

Você pode fazer alguns testes e análises sobre qual é o melhor lugar para colocá-las. Os promotores compartilhados são os profissionais responsáveis por realizar essas técnicas para aumentar as vendas da sua empresa. Eles são treinados para essa finalidade.

Usar a criatividade faz toda diferença

Vamos lembrar que o visual influência muito a experiência de compra do cliente. A forma com que a exposição dos produtos é feita nas gôndolas afetam a percepção dos consumidores e pode levá-los a decidir mais facilmente por comprar algo.

Que tal colocar os produtos mais importantes e que tem a embalagem mais chamativa nas prateleiras que são de fácil acesso e estão no campo de visão do cliente? Você jamais deve dificultar as coisas ele.

Se você quer vender determinado produto, facilite as coisas ao máximo para as pessoas. Organize os produtos que você quer vender sempre de forma criativa e que chame a atenção dos clientes, além de deixá-los sempre fáceis de se encontrar.

Use a categorização

Essa técnica de exposição de produtos consiste em organizar e dispor mercadorias similares a fim de facilitar a experiência do cliente na loja e estimular a venda de mais produtos.

A categorização de produtos significa agrupá-los de acordo com alguns critérios, que vão variar de acordo com sua estratégia. Imagine uma loja de produtos esportivos. Por exemplo, quem vai procurar por um tênis para usar na academia provavelmente vai se interessar por produtos que complementem essa atividade.

Por isso, que tal dispor bem próximo aos calçados uma linha de roupas de ginástica? Com os produtos lado a lado, o cliente pode se lembrar que precisa também de roupas para fazer suas atividades físicas e já pode visualizar como fica seu look completo para as aulas.

Dessa forma, fica muito mais fácil chamar sua atenção e estimular a compra de outros produtos. A categorização de produtos também funciona considerando preços, marcas e qualidade.

Alinhar as mercadorias seguindo essa lógica facilita para clientes que consideram esses fatores como muito importantes na hora da decisão de compra. 

Áreas nobres do estabelecimento: quais são e como usar?

Outra forma de trabalhar bem a exposição de produtos no visual merchandising é diferenciar e trabalhar as áreas nobres do estabelecimento. Essas áreas são conhecidas pela sua maior exposição e visibilidade pelo consumidor.

Geralmente, as áreas nobres de um supermercado são aquelas que o consumidor visualiza logo de cara, na frente e nos corredores principais. As áreas nobres estão sempre à altura dos olhos, o que reforça a ideia de que elas tem sempre um acesso mais fácil.

Os produtos que devem ser expostos em áreas nobres devem ser aqueles de alto giro, que vendem com mais facilidade e ofereçam maior margem de lucro.

Conclusão

Usando as técnicas de exposição de produtos citadas acima com a ideia de posicioná-los nas áreas certas, os resultados serão bem melhores. Contratar uma empresa especializada que ofereça promotores compartilhados é a sua melhor opção!

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *