Aprenda tudo sobre planograma

Definição

Segundo O Manual da ECR (Efficient Consumer Response), que significa Resposta Eficiente ao consumidor, Planograma é “a representação gráfica na escala de uma gôndola ou seção de gôndola que mostra cada posição de produto/item e as dimensões dos fixadores utilizados para exibi-los. É a forma de comunicar a distribuição do sortimento a quem faz a reposição da loja” .

Numa linguagem mais simples, o planograma é um modelo de exposição de cada categoria de produtos.

O planograma define a quantidade de itens expostos assim como o tipo e altura de empilhamento, além de indicar como se deve organizar as diferentes marcas, aromas, etc. Ele serve para facilitar a compra aumentando o lucro.

Seu significado é simples, mas na prática a disputa pelo espaço disponível pode transformar a tarefa num esforço mais apurado. A indústria e o varejo precisam estar em concordância com o planograma para que o desejo dos clientes sejam atendidos.

Importância do Planograma como merchandising

Todos nós como consumidores já passamos pela experiência de procurar determinado produto numa gôndola sem conseguir encontrá-lo no lugar certo. Isso seria evitado se o ponto de venda tivesse um planograma bem executado.

Segundo o que sugere Consultores da área, o planograma deve refletir como a empresa vai expor seu produto no PDV. Uma marca segue padrões de marketing e o planograma ajuda a impulsionar a compra pelo consumidor.

Um exemplo da grande importância de se ter um planograma é o efeito que um mal acondicionamento de laticínios pode provocar. Se estiverem dispostos em lugares e condições de temperatura inadequadas ficarão deteriorados.

Esse exemplo pode parecer óbvio, mas serve para determinar o impacto de um mal planejamento da disposição dos produtos.

Como criar um planograma?

O espaço numa gôndola está nas mãos do varejista que valoriza a garantia de um bom fluxo na loja.

A negociação de um planogramas envolve também muito estudo para que um produto não fique perdido entre outras marcas.

Não basta apenas ter um gráfico bem definido. O planograma, como ferramenta de marketing,  precisa ser executado com eficiência.

O principal objetivo de um planograma é melhorar a exposição dos produtos para estimular a compra. Para criá-lo com eficiência é preciso seguir essas quatro diretrizes:

  • Comodidade e agilidade para o consumidor

  • Visibilidade

  • Estímulo para a compra

  • Imagem positiva da marca

Separamos algumas dicas para melhorar a exposição dos produtos no PDV

  • Maior evidência para os produtos de maior lucratividade

   Esses produtos devem ficar na altura dos olhos, nas áreas nobres da gôndola. Dessa forma, serão vistos com mais facilidade aumentando as chances de compra.

  • Produtos mais vendidos em locais mais distantes

Como esses produtos são buscados naturalmente, poderão ficar mais distantes da entrada da loja e não necessitam de espaços nobres. Ao caminhar até esses, o consumidor visualiza outras mercadorias que podem gerar vendas.

  • Pontos estratégicos para as promoções

As pontas das gôndolas são o local mais indicado para as promoções, pois são mais visíveis  As “ilhas” centrais, por onde passa a maioria dos consumidores, também são pontos estratégicos.

Lembre-se, não basta entregar um documento e esperar pela execução.  É importante que sua equipe receba treinamentos para que entenda o papel do planograma. Cada detalhe do planograma deve ser muito bem compreendido, pois o sucesso no PDV depende do comprometimento de seu time de campo.

Nós da Clear Promoções podemos preparar seu planograma e ajudá-lo a aumentar suas vendas. Visite o nosso site e conheça nossos serviços.

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *